quarta-feira, 19 de setembro de 2007

orelhinhas da Simplista

a cabeça anda embaralhada, milhões de decisões a tomar (coisas do dia a dia que deixam a gente louquinha! ), pouco tempo, rápidas idas ao mercado, uma rotina nada inspiradora, e suprir as necessidades fisiológicas, comer está sendo fruto de rápidas idas à cozinha. Mas relaxar é preciso então em pulinhos passo pela cozinha e apronto algo, roubo as idéias das queridas que postam carinhosamente seus feitos culinários, a roubada da vez foi a Cris do Simplices (o cozinha boa, prosa gostosa, receitas mais ainda e fotos lindas).

desde criancinha amo orelhinhas(as palmiers), era a alegria dos cafés da manhã de domingo, todos em casa têm devoção pelo docinho, o fato é que nunca pensei em fazer, até que há algum tempo Simplista me iluminou com sua maneira fácil de rápida (fator tempo é determinante, agora!), confiram aqui.

Coloco agora como fiz:

cobri um rolo de massa folhada(arosa, pronta), polvilhei açúcar* aromatizado com canela e raspas de laranja(acréscimo meu, que nunca mais me abandona neste caso), tracei uma linha imaginaria no centro e enrolei cada ponta em sua direção, até que se unissem, para selar a união um pouquinho de água. Corte o rolo em fatias de cerca de 1 cm, distribu-as em uma assadeira untada, ou com papel manteiga ou ainda num silpat, polvilhe um pouco mais de açúcar aromatizado e asse em forno médio até que adquiram um lindo tom caramelado, vire-as e deixe-as bronzearem do outro lado também.

*Quanto mais açúcar mais úmidas no centro e crocantes por fora ficarão!

OBRIGADA a todas(os) vocês que estão me alimentando de idéias, hoje foi a da Cris, antes Laurinha, Pat... beijos!

13 comentários:

A simplicista... disse...

ai, estou derretida de honra...

Sara disse...

Gostei!!Tenho aki uma receita k é só massa folhada e açucar,gostei do promenor da canela e da raspa de laranja,deve ficar muito bom.

Elvira disse...

Esses folhadinhos são muito populares em França.

Adorei! :-)

Nina disse...

Palmiers são práticos porque são congeláveis. Servir com chá, café, suco ou simplesmente puro!
bjo.

Alegna disse...

Aqui em Portugal também comemos muito eses "palmieres" que é como se chamam aqui..

Ficaram muito apeteciveis...

Marizé disse...

Esse também é o meu truque para fazer palmiers rápidos, ás vezes barro a massa com creme de chocolate. Gostei da ideia da laranja.
Beijocas

Laurinha disse...

Delícia!!!! Adoro, de paixão. Como adoro de paixão canela, mas sabe que nunca fiz com a dita! Nem com raspinhas de laranja, de ter dado um toque especial! Já anotei!
Beijinhos,

Lílian disse...

Também amo estas orelhinhas. Me aventurarei tb. Inté : )

Natércia disse...

Querida mas que maravilha fiquei com água na boca.um bjs Natércia...

Cláudia disse...

Eu acho que já comi estes folheados num Café, muito bom aqui em Barão Geraldo que se chama Café & Arte. Mas as suas com certeza as suas devem ser mais gostosas!
beijocas

Cinara disse...

Nunca fiz Palmiers, Laila! Obrigada por compartilhar esta receita e também suas valiosas dicas! ;o) Beijos e bom final de semana!

Maycon disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nani do Paulo disse...

Que lindinha, mais uma novidade que eu aprendo!Nunca tinha visto essas orelhinhas!!!