sábado, 12 de julho de 2008

Semana Wheat Free


a idéia desta semana surgiu durante várias conversas com a Leila. Descobrimos que temos o mesmo tipo sanguíneo e que não nos é recomendado a ingestão de trigo. Acabou-se por descobrir que para a Leila o trigo não é um aliado, ela sofre de intolerância ao trigo.

comecamos a pesquisar a respeito e fomos nos envolvendo com o assunto, é bastante desafiador se propor a cozinhar sem trigo. Há algumas coisas que estão totalmente ligadas a este cereal, como ficar sem?

não é tão simples assim mas as possibilidades são inumeráveis, há diversas farinhas que se comportam muito bem, é quase sempre tem sabor mais especial.

bem assim inauguramos esta semana, hoje um texto informativo sobre as diferenças da alergia e intolerância ao trigo e a doença celíaca, aguardem pois a semana ainda contará com deliciosas receitas nos dois blogs totalmente sem trigo!

Alergia X Intolerância X Doença Celíaca

Alergia, intolerância doença celíaca são muitas vezes confundidas porque produzem alguns sintomas semelhantes e tem, muitas vezes, o mesmo alimento em comum mas, na verdade são muito diferentes e por isso acho que se faz necessário uma breve explicação sobre isso.

Nas alergias alimentares em geral, o sistema imune do organismo reage imediatamente a determinados alimentos como se fossem potencialmente perigosos, mesmo ingerindo uma quantidade mínima. Diversos sintomas podem ocorrer durante uma reação alérgica, porém as mais frequentes são as cutâneas e respiratórias. Em casos mais graves ocorre anafilaxia, uma resposta aguda a ingestão de um alimento, que pode incluir dor abdominal, náusea, vômitos, cianose (extremidades arroxeadas), queda na pressão sangüínea, dor torácica, urticária, diarréia, choque e morte, caso o paciente não seja socorrido a tempo.

A intolerância alimentar, é uma doença muito mais comum, não é uma reação alergica, não envolve o sistema imunológico mas constitui uma resposta física, um efeito indesejável causado pela ingestão de um determinado alimento. Em outras palavras, o organismo não possui uma enzima necessária para digerir os alimentos e isso causa então uma perturbação gastrointestinal, gases, náuseas, constipação etc. Esses sintomas, são totalmente diferentes de uma alergia mas causam uma má qualidade de vida ao indivíduo. Muitas pessoas passam a vida inteira com intolerância sem saber.

As alergias e as intolerâncias alimentares costumam ser bastante óbvias, apesar de nem sempre ser fácil distinguir uma verdadeira alergia de uma intolerância.
Além da confusão envolvendo alergia e intolerância, há uma certa confusão entre a alergia ao trigo e a doença celíaca ou alergia ao glúten como muita gente fala. Elas não são a mesma coisa e muitos artigos escritos não deixam esta questão bem clara.

A doença celíaca não é considerada uma alergia alimentar e sim um distúrbio causado por uma reação à gliadina - um componente do glúten presente no trigo, centeio, aveia e cevada. A gliadina provoca lesões no intestino, interferindo negativamente na absorção dos nutrientes, podendo até causar hemorragia intestinal. Outras manifestações desse distúrbio são cãibras musculares e fraqueza. Assim, o indivíduo que tem a doença celíaca não pode ingerir alimentos que contenham glúten. O glúten pode estar presente nos alimentos tanto como ingrediente básico (isto é, apresentado como trigo, centeio, aveia ou cevada), quanto adicionado na forma de um derivado, quando o alimento é preparado ou processado. Sendo assim, é muito importante ler o rótulo dos alimentos cuidadosamente.

*Este post não deverá ser tomado como orientação médica.
Nenhuma informação neste post ou blog deverá ser tomado como orientação medica. Caso te sintas familiar com alguns dos sintomas acima, procure o médico ou nutricionista antes de iniciar qualquer dieta de exclusão alimentar.

6 comentários:

Nani do Paulo disse...

Laila querida, adorei saber as diferenças, sinceramente, mesmo trabalhando na área da saúde eu não conhecia bem essas diferenças.
Beijos

Donna Dani disse...

Obrigada Laila pelas orientações, já tinha visto uma reportagem sobre a intolerância ao glúten, e em alguns casos a coisa é mais séria que pensamos. Estou imaginando como deve ser difícil para uma mãe cozinhar para uma criança com este problema. Obrigada pelas explicações sobre a alergia x intolerância x doença celíaca eu não sabia.
bjks

Otavia Paiva Sommavilla disse...

Oi!
Muito esclarecedor...
Obrigada!
Beijos
Otavia

Laurinha disse...

Adorei o post!
Tenho uma amiga que só soube há pouco tempo que é celíaca...... orientação é tudo!
Beijinhos

Lílian disse...

Que aula, menina!
Passei seu blog para uma amiga que tem a doença celíaca
Beijos

Cris disse...

É de utilidade pública este post... excelente trabalho em conjunto de vocês! Parabéns! Bjs!