domingo, 14 de setembro de 2008

sabores da memória

esfihas lembram meu pai, enquanto construia uma mesquita no bairro do Brás, em são paulo, descobriu uma preciosidade e sempre que possivel voltamos lá para saborear maravilhosas esfihas abertas que são do tamanho de um prato de sobremesa, antes só com sabores mais tradicionais, hoje o local já serve esfihas "abrasileiradas".

é um cantinho com cara de boteco, mesas com logo de cerveja, azulejos azuis cobrem meia parede. desde que vou lá, é a mesma visão, casa cheia, conversas e muita gente feliz, lá é servida comida de verdade.

não me atrevo a fazer esfihas como aquelas em casa, não teria tamanha audácia... as que estão em nossa memória são tão boas que não poderiam ser imitadas, mas ainda assim deu vontade de degustar esfihas.

resolvi fazer das fechadinhas e achei a receita num caderno da minha avó, caneta azul, letra tortinha, páginas amareladas e nenhum sinal da fonte da receita.

Esfihas de Espinafre com Requeijão Cremoso
16 grandes esfihas

recheio:
1 maço de espinafre
3 dentes de alho
2 colh de sopa de azeite
pimenta do reino móida
sal
50 grs de coalhada fresca
150 grs de requeijão cremoso

Limpe o maço de espinafre e sépare somente as folhas, lave-as bem e deixe escorrer.
Pique o alho e refogue-o no azeite. Junte as folhas de espinafre e tampe. Após 2 minutos, destampe e mexa bem as folhas, espere até que todas estejam cozidas.

Quando esfriar, aperte para tirar o escesso de água e pique bem as folhas, tempere com sal e pimenta e envolva a coalhada.

Reserve o requeijão.

massa:
4 xíc de chá de farinha de trigo
2 colh de sopa de fermento seco p/ pão
1/2 xíc de chá de açúcar
1/2 colh de chá de sal
3/4 xíc de chá de leite
125 grs de manteiga
2 ovos batidos

Num bowl misture a farinha com o fermento.
Derreta a manteiga com o leite, junte o açúcar e o sal e espere dissolver

Faça um buraco no centro da farinha e junte a mistura de leite. Incorpore os ovos e misture bem até que a massa esteja lisa e elástica(é uma massa linda e leve). Cubra com um pano e deixe descansar em um lugar protegido de correntes de ar, por 2 horas.

Divida a massa em 16(ou mais) pedaços e forme círculos de aproximadamente 8-10 cm de diâmetro. Cubra-os com um pano ligeiramente umedecido e deixe crescer por mais 30 minutos.

Achate os círculos até obter espessura de 1 cm, coloque uma colherada de espinafre e um pouco de requeijão cremoso. Imagine uma divisão de 3 partes iguais no círculo e una 2 das bordas, feche a terceira e aperte bem a bordinha. Coloque -as numa assadeira untada e asse em forno pré aquecido a 180º C por 20 minutos ou até que dourem.

** caso queiram congelar, depois de recheadas leve-as para o freezer numa assadeira,´ao endurecerem coloque-as num saco plástico, tire bem o ar e feche, etiquete e para srevir, batsa tirar 30 minutos antes de assar, deixar em temperatura ambiente e então levar ao forno.

Não são como as do Brás, mas são deliciosas, a massa é levinha, ligeiramente adocicada, o recheio fica leve e lindo. Experimentem!!

28 comentários:

Silvinha disse...

Vou testar, Laila! Apenas substituirei o espinafre por peito de peru, verdinhos não são a minha praia... :(

Beijo!

Fabrícia disse...

Laila me conta mais sobre essa construção da Mesquita ... fiquei curiosa. Enquanto me conta...manda uma dessas para o lado de cá.
Bjs.

Talula disse...

Pois tu jintaste duas oias qu eu adoro: esfiha e espinafre. Vou anotar a receita!
:)
Beijo!

Sandreane disse...

Oi Laila, vim agradecer a visita e dizer que essa esfiha me deixou com água na boca :9

Ah! Se der, dá uma olhada no post do desafio, seria legal contar com sua participação :)
Abraços mil!!!!

Nereime disse...

Tem sabores que na infância parece que ficam acentuados.Eu estou numa fase de verduras...assim com esfiha e requeijão que amo, não dá para resistir!!!
bjs

Carla disse...

nham nham, deve ser muito bom! Gostei do recheio =)

bjs

Tânia Saj disse...

Como eu amo os "verdinhos", este recheio deve ser divino!

Neyma disse...

Oi Laila,
que delícia esta receita, adoro esfiha, parabéns pela receita.
Beijinho.

Carmencita disse...

Não são como as do Brás, tenho certeza que são melhores, pois com essa aparência e com esses ingredientes e suas mãos de fada, deve ter ficado maravilhosa.Parece que é de família fazer gostosuras. Claro que vou experimentar, se acertar fazer igual a sua te aviso.Bjss

Gourmandise disse...

Qual o endereço desta casa de esfiha?
Dá um trabalhão! Mas vale a pena.
bjo

Nani do Paulo disse...

Nossa também quero saber onde é essa casa de esfiha!
E que delicia! Receitinha de vó, hummm deve ser deliciosa!
Beijos

Ziza disse...

Vou testar. Sou louca por elas!

Odete disse...

Que delicia, eu amo. Deu uma vontade danada.
bjs

Eliana Scaramal disse...

Esse recheio de espinafre eu achei um luxo total!!

Agdah disse...

Já está na fila de produção.

Priscila disse...

Laila, nunca postei nada aqui, mas sempre entro em seu blog pra ficar com água na boca!!
Hoje estou escrevendo, pois achei uma coincidência fabulosa você falar do Brás! Eu moro no bairro do Pari, que se confunde com o Brás, e devido à grande comunidade libanesa que mora aqui, não sei se a casa de esfihas que falou é o "Rei das Esfihas", porque lá as esfihas são do tamanho dos pratos e uma delícia!!
As suas embora não sejam do Rei, certamente são tão maravilhosas quanto!!
Desculpe pelo post mostro!!
Beijinhos.
Priscila.

Lina Jehle disse...

Eu sou fã dessa coisa nsotálgica !! Adoro isso, o q a memória mantém vivo dentro de nós e cnseguimos resgatar de alguma forma !!
Como a minha horta tá bombando de espinafre, ... vou fazer, viu ?!?

bjão, fica bem !!

Laurinha disse...

Lindinha, esfihas assim, com esta massa, e este recheio, hummmmmmmmmm, bom demais!!!
Beijinhos

Vivian disse...

Laila, eu já fiz sfiha. E olha que ficaram bem legais.
boa semana

Luciana Macêdo disse...

Comidinhas e lembranças felizes, uma bela combinação, eu adoro.
Dias atrás, passeando na net atrás de algumas forminhas vi umas para fazer esfihas, achei interessante.
O recheio das suas me conquistou.
Bjs!

Silvia Arruda disse...

Esfihas são um dos meus salgados prediletos. Com esre recheio, então... deve ser tudo de bom!

Ana disse...

Mulher de Deus....que delícia de recheio.

Donna Dani disse...

Que graça seu relato quanto às recordações e sobre o caderninho da vovó, vc tem uma preciosidade dessas em suas mãos!!! Uaaauuu ficarei mais atenta!!
Adoro as receitas das vovós! Hahaha
E essa esfiha grandona, fiquei imaginando essa tentação.
Bjksa

Mamão com açucar disse...

Adoruuuuuuu!!! Bom demais, e com espinafre então hummmmmm!!!!!
bjks,
Fernanda
http://mamaocomacucar.sampasite.com

Cristina disse...

Nossa Laila, teu post me deu água na boca, sou louca por esfihas de carne com limãozinho... Humm!
Parabéns, que linda receita e que sensibilidade! Beijos

Bia Belliard disse...

nossa, faz seculos que nao como uma esfiha ! ja me deu ideia ! beijocas

Valentina disse...

Amei a história - super bacana. E que bacana este recheio com espinafre. vou só improvisar no requeijão pois nao o achamos aqui.talvez use uma receita de requeijão caseiro da Iliane.bjocas

dani oliveira disse...

Laila, adorei essa esfirra. Recheio nota 10!